Sistema fixo de resfriamento (nebulização),
saiba o que é e como funciona.

O sistema de água nebulizada utiliza uma válvula de dilúvio, equipada com bicos nebulizadores abertos.
Nesse processo, a tubulação permanece seca até a válvula de dilúvio que deverá ser ativada.

O sistema pode ser ativado tanto manualmente como por detecção ou ainda por uma linha piloto hidráulico de sprinklers.
Neste caso, quando o sistema de dilúvio é controlado hidraulicamente, é necessário que esse sistema de atuação esteja equipado com sprinklers automáticos.

Esse sistema hidráulico funcionará abrindo a válvula de dilúvio, no momento que ocorrer incêndios, permitindo a entrada da água na tubulação e a mesma sairá pelos nebulizadores.Quando acionado eletricamente é necessário que o sistema de atuação seja um rede de detecção elétrica: sensores, detectores, etc. que irão acionar a válvula solenoide abrindo a válvula de dilúvio.

Em casos de incêndios o sistema hidráulico de atuação (linha piloto) é despressurizado, quando algum dos dispositivos é ativado. A câmara principal da válvula dilúvio perde pressão mais rapidamente do que é fornecida pelo orifício de restrição, assim há o funcionamento do diafragma que se abre, deixando a água passar para a tubulação e também para os dispositivos de alarme, acionando o alarme hidráulico e ativando também o alarme elétrico do local através de comando ao painel de detecção e alarme.

INSCREVA-SE

ASSINE
NOSSA
NEWSLETTER

Siga a Cfsistemas